Resenha: Perdida

sexta-feira, dezembro 26, 2014

Pensei bem no que eu poderia fazer no post de hoje e cheguei á uma conclusão: vou compensar as duas madrugadas que eu passei em claro lendo Perdida, e vou fazer uma resenha completa para vocês! Particularmente, eu como papel de leitora, gosto de posts sobre tutoriais, toor e resenhas. São os posts fundamentais de um blog que por incrível que pareça agrada muito o público, então cá estou eu! Posicione-se em uma posição confortável que lá vem coisa boa!

Título: Perdida                              Páginas: 364
Autora: Carina Rissi                    Comprar em: Saraiva
Editora: Verus                              Pontuação: ❤❤❤❤❤❤ (Favoritado! \o/)

Sinopse:
Sofia vive em uma metrópole e está acostumada com a modernidade e as facilidades que ela traz. Ela é independente e tem pavor à mera menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são aqueles que os livros proporcionam. Após comprar um celular novo, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século dezenove, sem ter ideia de como voltar para casa – ou se isso sequer é possível. Enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de retornar ao tempo presente, ela é acolhida pela família Clarke. Com a ajuda do prestativo – e lindo – Ian Clarke, Sofia embarca numa busca frenética e acaba encontrando pistas que talvez possam ajudá-la a resolver esse mistério e voltar para sua tão amada vida moderna. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos... “Perdida” é uma história apaixonante com um ritmo intenso, que vai fazer você devorar até a última página.

Minha opinião sobre o livro:
No começo o livro não é tão legal, tanto é que eu até pensei em parar de lê-lo, mas aos poucos você vai se prendendo á ele de uma forma tão intensa que tem horas que você sente os sentimentos juntamente com a personagem principal. A Carina Rissi tem esse dom. Todos os livros dela fazem você se sentir incrível lendo, sentindo todas as emoções possíveis. Tive meus momentos que ri e chorei, que passei raiva e senti ternura pelos personagens. É um livro incrível e fácil de lê-lo que você irá se apaixonar. *e as partes 'quentes' do livro são incríveis :x

Minha opinião sobre os personagens
Até os personagens secundários são incríveis! Cada um com sua personalidade própria que muitas vezes até parece que você está assistindo uma novela. A personagem principal, Sofia Alonzo, é super engraçada! Como ela mora no século 21, muitas vezes ela acaba falando coisas istremamente engraçadas. E o Ian, ai meu deus! Quero conhecer um cara assim...

Concluindo:
O livro é incrível, divertido, a história é concreta e bonita. Tenho certeza que qualquer um vai adorar e vai se prender desde o início até o final.

Alguns trechos para vocês se apaixonarem:
Ele sorriu um pouco. Mas seus olhos ainda estavam tristes.
– Não fique assim, Ian. Você se saiu muito bem com Elisa, e logo terá uma nova família e tudo ficará bem… – Um nó no estômago me fez parar. Imaginar Ian com uma esposa me causava náuseas.
– Não, senhorita Sofia, não ficará bem. – Ele baixou a cabeça e apoiou os braços no joelho.
– Claro que ficará. Se você quiser, posso te ajudar a encontrar uma garota bacana – me ouvi dizendo. Meu estômago se revirou como se eu estivesse em uma montanha-russa. Tentei ignorar a sensação. – Você me diz do que gosta e eu te ajudo. De repente, você encontra alguém que ame de verdade e acaba sendo muito mais feliz do que imaginava ser possível.
Ele ficou ainda mais triste.
– Mas eu já encontrei, senhorita.
– Já?
– Sim. Mas não pode dar certo – resmungou desolado.
– E por que não? – murmurei, ainda assim minha voz tremeu.
– Porque ela não pode ficar.


"— Não existe nós, Ian. Então, não temos nada para conversar. — respondi fracamente, hipnotizada por seus olhos urgentes.
— Existe sim! Sei que você também sente alguma coisa quando estamos assim, — ele estreitou o braço em minha cintura, fazendo meu corpo colar ainda mais ao dele, o que era praticamente impossível. — Não negue! Posso ver isso em seus olhos!
— Você precisa de óculos então. — tentei parecer firme, mas minha respiração acelerada fez minha sentença soar como um gemido.
— Não posso ter certeza do que você sente, é claro, mas eu sei que não é indiferente a mim. Que sente algo além de apenas gratidão e amizade. E sei, com muita exatidão, como eu me sinto.
— E como se sente? — eu não queria perguntar, por não queria ouvir a resposta. Tornava tudo mais difícil saber como ele se sentia. Mas minha boca não deu ouvidos ao meu cérebro, e curiosa que só, perguntou mesmo assim.
— Sinto que posso… Flutuar quando estou com você, como se fosse capaz de realmente voar! Sinto-me completo pela primeira vez, Sofia. Há uma força em você que me atrai, que me arrasta para perto, uma força inexplicável que turva meus pensamentos. Não consigo pensar em nada mais, apenas em como seria tocar seu cabelo… — ele afrouxou meu pulso e delicadamente deslizou os dedos em uma mecha perto do meu rosto. — Segurar sua mão… — segurou minha mão por um momento, depois a colocou sobre o peito, sobre seu coração. — Sinta o que acontece com meu coração quando estou com você. — batia forte e rápido, assim como o meu. Eu lutava para respirar.
— E quando não estou com você, meu peito fica vazio, como se meu coração se recusasse a bater até que lhe encontre novamente. Sinta! Ele diz Sofia, Sofia, Sofia! Tem sido assim desde a primeira vez que a vi. Desde aquele instante percebi que não era mais dono do meu coração, que ele não me pertencia mais. Então — ele tocou meu rosto, deslizou os dedos por meu pescoço e acabou os prendendo em minha nuca. — Não diga que não existe “nós”!


Já leram esse livro incrível? Gostaram da minha resenha? Comente, vou adorar saber!

You Might Also Like

3 comentários

  1. Adorei a resenha, quero muito ler esse livro! A Carina Rissi é incrível.

    http://lagrimas-de-diamante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Esse livro deve ser ótimo, mas não sou a maior fã de histórias nesse estilo sabe? Haha, beijos
    damaindelicada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Comente aqui sua opinião, me dê dicas e sugestões que quer ver aqui. Sua opinião será sempre bem vinda e respondida! Beeijos, Mara.

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Subscribe