Ah, o amor...

sexta-feira, janeiro 02, 2015

A gente se apaixona, sente o movimento das borboletas e toca as estrelas durante a noite antes de dormir. Sente ansiedade e desenha corações em folhas de papel em branco. Isso é amor. É o que diziam, é o que você sentiu.  Flores, bochecha vermelha, coração disparado, cabelos misturados e bagunçados na cama. Vocês ultrapassaram as barreiras, alcançaram o felizes para sempre, e conseguiram finalmente ficar juntos. Depois de tanto tempo. Depois de tanto desentendimentos.
Então ele para de te ligar toda noite e querer escutar suas conquistas e ideias loucas. Não presta mais atenção no que você fala, ignorando sem perceber todas suas pistas, achando graça das coisas mais sérias do mundo. O silêncio que antes só aparecia enquanto se beijavam, agora surge entre uma briga e outra.
Vocês se amam, mas já não conseguem mais ficar juntos. Você não se imagina sem ele, mas graças as cobranças e brigas, não sente mais tanta vontade de ficar ao seu lado. Você se sente a frente de um enorme abismo. Não consegue alcançar o outro lado, nem voltar para escolher um outro caminho.
Você chora ao ficar, mas se vê chorando ainda mais ao partir. É difícil escolher quando o que o seu coração quer, não é uma opção.
Fingir que nada disso acontece faz seu coração arder.  Você é boa nisso, mas saiba que ser forte não tem nada a ver com conseguir disfarçar, ser forte tem a ver com ter coragem e agir. Deixar o tempo fazer isso só piora as coisas. Ele não sabe o que você sente, não sabe o que você passou e quem você deixou pra chegar até onde chegou.

You Might Also Like

0 comentários

Comente aqui sua opinião, me dê dicas e sugestões que quer ver aqui. Sua opinião será sempre bem vinda e respondida! Beeijos, Mara.

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Subscribe